• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde
Hub aéreo arranca na ilha do Sal com voos para Lisboa e Fortaleza
Economia

Hub aéreo arranca na ilha do Sal com voos para Lisboa e Fortaleza

A companhia cabo-verdiana TACV iniciou hoje a sua actividade na base operacional da ilha do Sal, com voos oriundos do Recife e com destino a Lisboa e com um voo de Lisboa com destino a Fortaleza.

A TACV, que desde o mês de Agosto está sob a gestão de contrato com a empresa Loftleidir Icelandic, considera essa centralização das actividades na ilha do Sal como parte das mudanças estruturais que estão a ser implementadas na empresa que o Governo quer privatizar.

“No cerne da mudança está o facto de o aeroporto internacional do Sal oferecer melhores infra-estruturas operacionais que o aeroporto da Praia”, refere um comunicado enviada à imprensa.

O início da operação no Sal, segundo a mesma fonte, contempla um novo modelo de negócio para a TACV em formato Hub & Spoke, ponto de conexão para vários destinos. Este novo modelo colocará o arquipélago, nomeadamente a ilha do Sal, no centro da ligação entre os quatro continentes, designadamente América do Norte, América do Sul, África e Europa, alargando assim o mercado de actuação da companhia aérea.

“A mudança da base operacional para a ilha do Sal irá permitir maior capacidade de actuação dos Cabo Verde Airlines de maneira a podermos alargar os nossos mercados de actuação, sem nunca deixar de providenciar os nossos serviços ao povo cabo-verdiano. Esta porta aberta para os quatro continentes dará uma maior notoriedade e visibilidade não só à companhia aérea, mas também a Cabo Verde,” afirmou Mário Chaves, CEO da empresa citado no documento.

A TACV – Cabo Verde Airlines prevê ainda um reforço da frota para Março e novas rotas para mais mercados em 2018 e espera avançar para ligações a partir de Milão e Paris para Fortaleza e Recife, com ligação à ilha do Sal, a partir de Fevereiro e Março respectivamente.

Com Inforpress

Partilhe esta notícia

SOBRE O AUTOR

Redação

    Comentar

    Inicie sessão ou registe-se para comentar.

    Comentários

    • Este artigo ainda não tem comentário. Seja o primeiro a comentar!