Pub

Djery Mascap

Djery Mascap Fz ou apenas Djery está a lançar na cidade da Praia, o ciclo de conversas “Friday Talks” com o objetivo de fazer com que os “jovens não fiquem apenas nas redes sociais, no canto dos seus sofás, a debater o mundo à distância”, mas saiam à rua e venham se encontrar com outros jovens e todos os demais que queiram participar numa reflexão aberta e sem tabus.

Por isso, juntou-se a outros jovens que também querem ter um papel mais dinâmico e mais interventivo na sociedade caboverdeana e criaram o “Friday Talks” enquanto espaço que tem como objetivo dar “vez e voz” à juventude e também oportunidade de apresentarem as suas ideias, projetos e histórias de vida para que possam inspirar outros jovens a uma mudança de estilo de vida, como explica.

A sessão inaugural teve lugar na passada sexta-feira, dia 24, a partir das 17 horas, na livraria Pedro Cardoso e contou com as intervenções de Mónica Coelho que abordou a temática do empoderamento feminino, enquanto empreendedora, ativista social e coordenadora do movimento "Obim nha Voz" e Fundadora do movimento "Wake up Queens”. João Semedo, sociólogo, debruçou sobre o tema "União Africana: Desafios" e, por fim, os presentes tiveram a oportunidade de seguir a intervenção do rapper Dibaz Mob que emocionou todos os presentes no local com a sua história de superação em relação ao um passado que considera problemática e afastado para trás.

As sessões do “Friday Talks” vão ser realizadas mensalmente, todas as últimas sextas-feiras de cada mês, sendo que cada orador vai ter no máximo 10 minutos para apresentar as suas ideias, os seus projetos ou desenvolver algum tema que seja pertinente para a juventude cabo-verdiana. A próxima edição está marcada para o dia 28 de fevereiro e a organização promete, atempadamente, divulgar o local, uma vez que será sempre às 17 horas.

Friday Talks



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentar