Pub

lino magno

Hoje é celebrado o dia Internacional do trabalhador. Com certeza, não deveria ser um dia comum. A razão de ser de uma Nação forte, de uma sociedade bem estruturada, deve-se ao facto das mesmas terem grandes trabalhadores nos bastidores. Uma Nação ou um estado que valoriza e estimula os seus trabalhadores, reconhecendo as labutas e os esforços.

Este dia, deveria ser, sim, de reconhecimento, porque não, algo que fosse simbólico, mas que ajudasse cada trabalhador a dar e fazer o melhor. Que cada empresa privada ou estatal, reconhecesse os seus trabalhadores com honra e mérito. Este dia, sim, deveria ser de profunda reflexão sobre o desemprego da camada jovem. Um estímulo para quem serve a máquina pública e privada, uma retórica de estímulo, um discurso à esperança de um País promissor e de um povo resiliente.

Cada Cabo-verdiano com responsabilidade social, deveria sim, clamar pela melhoria da condição laboral, por uma dignidade concreta para cada trabalhador. Uma profunda reivindicação pública por um País livre de qualquer tipo de manipulação e assédio do ambiente de trabalho. Um País livre de qualquer resquício de corrupção passiva ou ativa. Onde impera a ética deontológica e a alta moral.

Hoje sim, deveria ser de clamor pela liberdade e afirmação de um País que precisa de grandes funcionários públicos e privados, que servem com prazer e entusiasmo e não por obrigação. Um País onde as pessoas são valorizadas e estimuladas no ambiente de trabalho, onde os chefes são autênticos líderes, promovendo o desenvolvimento pessoal e profissional. Onde a ditadura implícita desaparece, um ambiente onde existe harmonia e camaradagem. Exclusão de qualquer tipo de superioridade profissional, onde o que conta não é a cor partidária e sim a capacidade individual e pessoal. Onde o mais importante é o progresso e não aspetos secundários e de interesse individual.

Desejamos um País justo e digno para todos. Onde cada trabalhador, seja que serviço desempenha, seja objeto de valorização e justiça. Um País em que as famílias encontrem amparo e os jovens encontrem um sentido de esperança e o renascer de novos sonhos e projectos sólidos. Onde a delinquência juvenil é superada pela presença de uma educação de alto padrão, com enfoque no empoderamento das famílias. Uma sólida rede de transformação social.

Meus parabéns a todos que pagam o preço e fazem jus á responsabilidade outorgada em matéria de serviço e desempenho no trabalho.

Grande abraço e parabéns pelo nosso dia.

Comentar