• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde
Óscar Santos diz que sai de “cara levantada”
Política

Óscar Santos diz que sai de “cara levantada”

O presidente cessante da Câmara Municipal da Praia, Óscar Santos, afirma que sai do comando da edilidade da capital cabo-verdiana de “cara levantada”, completando que “os resultados alcançados não podem ser escondidos”.

Numa nota divulgada hoje na internet, Óscar Santos começa por agradecer a todos que lhe deram, a si e toda sua equipa, o seu apoio na última campanha eleitoral, e a todos os membros da candidatura do MpD na Praia. “Agradeço pela forma como se envolveram, fazendo tudo o que foi possível fazer, em contexto difícil de pandemia, com fortes medidas restritivas, o que, certamente, teve grande impacto no modo como decorreu a campanha”, afirmou.

De igual modo, Óscar Santos agradeceu a todos os praienses, independentemente do seu sentido de voto, pois, disse, “o que vem em primeiro lugar é o dever cívico de votar, de participar politicamente nos destinos do país e deste importante município”. “Governei a Praia com lealdade e zelo, sem colher quaisquer privilégios! Cumpri com lisura a função que me foi confiada, e saio de cara levantada”, continua Óscar Santos confessando que esperava sair vitorioso dessas eleições.

“Dei sempre o meu melhor e orgulho-me do trabalho feito. Com a minha excelente equipa, transformámos completamente a cidade da Praia e hoje ninguém duvida que a Praia mudou muito nos últimos anos! Os resultados alcançados não podem ser escondidos! A Praia agigantou-se e atingiu um novo patamar”, completou.

Como munícipe, Óscar Santos augurou a continuação do desenvolvimento do município, desejando que o legado que deixa seja acarinhado e desenvolvido, corrigindo eventuais falhas a bem do município e dos munícipes. “Quem governa tem esse fardo, essa responsabilidade! Seguramente que os munícipes esperam e desejam que os novos órgãos façam mais e melhor. Por isso, de igual modo, auguro sucessos aos novos que chegaram, que possam conseguir fazer mais do que fizemos”, continuou.

O presidente cessante garantiu ainda que a nova equipa pode contar com sua total disponibilidade em informar, esclarecer e até ajudar no quadro do novo estatuto na Praia.

“Os deputados municipais e os vereadores eleitos nas listas do MpD serão, a partir da posse, oposição. Oposição clara e firme, demarcando-se em posições, ideias, programas e projectos sempre que deles discordar”, frisou.

Dirigindo-se aos munícipes, Óscar Santos argumentou que governar, com responsabilidade, a capital do País muitas vezes obriga a não transigir com certas práticas.

“Nem sempre o que é bom para um, dez ou mesmo 1.000 pessoas, é bom para os interesses da cidade que se quer no futuro!  Nunca corri ao sabor das ondas e conveniências, segui um rumo, um caminho!. Nem sempre o fiz da melhor forma, certamente! Mas conforta-me o sentimento de ter tido sempre uma ideia para a Cidade e de ter perseguido esse sonho. Fiz o quanto pude, passo agora testemunho a outro para fazer melhor!”, finalizou.

O candidato do Partido Africano da Independência de Cabo Verde, Francisco Carvalho, foi o vencedor da autárquicas de 25 de Outubro na cidade da Praia.

Além de Francisco Carvalho e Óscar Santos, concorrem às eleições de 25 de Outubro, na Praia, Amândio Barbosa Vicente (PP), Any Reis (Sociedade Civil), Carlos Lopes (L.U.T.A), Denise Tavares (DSB), Francisco Silva (UCID), e Jeremias Garcia (MPJT).

A investidura dos novos eleitos municipais acontece esta sexta-feira, 20 de Novembro.

Com Inforpress

Partilhe esta notícia

SOBRE O AUTOR

Redação

    Comentar

    Inicie sessão ou registe-se para comentar.

    Comentários

    • Este artigo ainda não tem comentário. Seja o primeiro a comentar!