Pub
Por: Redacção

heldon

 

Após cinco jogos sem vencer, o Vitória de Guimarães voltou a fazer juz ao nome com o internacional cabo-verdiano, Heldon “Nhuck" Ramos em destaque, mais uma vez, com uma excelente exibição e um belo golo a confirmar o resultado de 3 x 1 a favor dos vimaranenses sobre o Estoril.

Apesar do resultado, não foi um jogo fácil para o Vitória que até saiu na frente com golo do avançado Hurtado aos 20 minutos. O Estoril viria a empatar ao minuto 45+3, colocando o resultado ao intervalo em 1 x 1, ainda que jogando com um jogador a menos, dada a expulsão do central Abner, num lance com Heldon, com o defesa a derrubar o cabo-verdiano que se preparava para isolar com o guarda-redes.

Na segunda parte, a insistência de Heldon & cia. e a vantagem numérica fizeram a diferença com Raphinha a adiantar, novamente, os comandados de Pedro Martins, aos 48 minutos da segunda parte.

O melhor estava por vir com Heldon a descansar os adeptos da casa com um belo golo aos 90+3, num lance de velocidade, técnica e frieza a demonstrar a veia goleadora e a capacidade de aparecer nos momentos decisivos. Com os três pontos o Vitória de Guimarães ascende aos 26 pts., em 8º, em igualdade pontual com o 7º, o Desportivo de Chaves que perdeu com o Benfica por 3 x 0, e a 3 pts do Marítimo (29 pts.) que é 6º classificado.

 



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentar