• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde

Governo desvia-se de presumível plágio da nova marca turística Cabo Verde. "O PM e o Ministro não são designers!", disse Ulisses

O novo logótipo da marca turística de Cabo Verde está a ser fortemente criticada pelos cabo-verdianos por ser muito idêntica à de uma empresa portuguesa de imobiliária, criada há sete anos. Confrontado com esse "escândalo nacional" esta quarta-feira, 21, no Parlamento, onde se debatia a Boa Governação, Ulisses Correia e Silva foi fugidio e seco na resposta: "Nem o primeiro-ministro e nem ministro do Turismo são designer e não tem competência para isso…" E desafiou os críticos a provarem que houve, de facto, plágio.

Parlamento: PAICV acusa Governo de "abandonar" e colocar a capital do país “fora do mapa de investimentos”

O deputado do PAICV, Carlos Tavares, acusou hoje, no parlamento, o Governo de “abandonar” a capital do país colocando-a “fora do mapa de investimentos” do Palácio da Várzea.

Hoje é Dia da Língua Materna. Linguista alemão destaca importância do crioulo na afirmação da identidade cabo-verdiana

O linguista alemão Hans-Peter Heilmair, um entusiasta da cultura e língua cabo-verdianas, destacou a importância da língua materna de Cabo Verde, indicando que é preciso promover e preservar a mesma dentro e fora do país.

"Caminho para a oficialização do crioulo paralelamente ao português é relevante e muito promissor"

A directora do Património Imaterial, Carla Semedo, afirmou que o caminho que está sendo estabelecido com enfoque na oficialização do crioulo, paralelamente ao português, é relevante e muito promissor, reconhecendo que ainda existem muitos desafios a serem ultrapassados.

Língua materna. José Luiz Tavares insurge-se contra ressurgimento do “velho luso-tropicalismo”

O poeta cabo-verdiano José Luiz Tavares insurgiu-se hoje contra o ressurgimento do “velho tropicalismo” à volta do crioulo cabo-verdiano, apesar de existir “uma vontade soberana popular e nacional forte” em prol da dignificação da língua cabo-verdiana.

Estado vende sua participação na CV Handling - 10% das acções destinadas aos trabalhadores e emigrnates

O Governo deu início esta terça-feira, 20, ao processo de privatização dos 61%  que o Estado detém na Cabo Verde Handling, dos quais 51% é destinado ao parceiro estratégico e 10% aos trabalhadores da empresa e cabo-verdianos na diáspora.

Língua materna: Escritor denuncia “simulacro” e “fraude” no processo de introdução no ensino da língua cabo-verdiana

O escritor cabo-verdiano José Luiz Tavares denunciou hoje, em entrevista à Inforpress, o que considera ser um “simulacro” e uma “fraude” no processo de introdução no ensino da língua cabo-verdiana.