• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde

PN diz que viajantes nigerianos impedidos de entrar em Cabo Verde não tinham comprovativos

A Polícia Nacional explicou hoje que um grupo de oito cidadãos, incluindo nigerianos que apresentaram queixa ao Governo da Nigéria, foi impedido de entrar no arquipélago por não apresentarem comprovativos do objetivo da viagem.

Turistas nigerianos apresentam queixa contra Cabo Verde após deportação

Um grupo de turistas nigerianos apresentou uma queixa ao Governo da Nigéria contra as autoridades cabo-verdianas pela recusa de entrada em Cabo Verde, e deportação, alegando que apenas os portadores de passaporte ocidental tiveram autorização para entrar.

Nha Madastra – (Sugunda párti) - PURMERU ATU

Diana, nha intenson e ka obriga-u sta ku mi kóntra bu vontadi. Mas N ta pidi-u pa bu purdua-m pur amor di nos fidju fémia. N kre pa mi ku bo nu kiria-l djuntu, pa mi ku bo nu eduka-l nos dos. N ka kre ranja otu mudjer ki e ta konsidera se madrasta, menus inda pa bu ranja otu omi pa e fika ta fla ma e se padrastu. (Diana ta fika mudu) Bu kre pa N pidi Dériu pa nprista-m se karu pa nu bai da un voltinha te Matiota? (Diana ta kontínua kaladu i Dáriu ta bira pa Dériu) Dériu, nprista-m txabi di bu karu.

Trés més di nha vida

Lágrimas kai-m di odju Dixi-m rostu Torna-m nha kurason maguadu Sima ondas di mar ta bate na areia Ta dexa-l modjadu

Frei Fidalgo e o 13 de Janeiro

O Frei Fidalgo de Barros concedeu, nesta data, uma entrevista ao Jornal (?) O País, tecendo considerações sobre o 13 de Janeiro. Durante a entrevista, aquele “ungido de Deus” vergastou no PAICV e no seu então governo demonstrando, ainda guardar, alguma mágoa/ódio desde os anos de 1980 após deixar de ser deputado nacional do PAIGC. Como omitiu (o que tem feito ao longo dos tempos),parte da sua história contrariando o seu dever de pastor para com as suas ovelhas, fiz um comentário informando aos jovens frutos do 13 de Janeiro de 1991, que o entrevistado foi, é (?),político e...

Estórias e comportamentos dos bichos 10

CAPÍTULO QUINTOA LÍNGUA PORTUGESA NA PERSPETIVA DE UM CHINÊS

Estórias e comportamentos dos bichos 7

CAPÍTULO TERCEIRO