• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde

“Militar de Abril” António Firmino partilha experiências do 25 de Abril e seu impacto na comunidade cabo-verdiana

O artista plástico António Firmino, natural de São Vicente, residente em Lisboa, relembra os tumultos e o seu papel na revolução, ele que se encontrava a prestar serviço militar durante o 25 de Abril de 1974, em Portugal.

Portugal promete melhorar condições para obtenção de vistos aos cabo-verdianos

O secretário de Estado das Comunidades de Portugal declarou hoje, na Cidade Velha, que o modelo para obtenção dos vistos nacionais para Portugal passará por melhorias nos próximos dois meses, eliminando sucessivos constrangimentos enfrentados pelos cabo-verdianos.

Professor, Educação, 23 de Abril e o País

No nosso sistema educativo, de um modo geral, os alunos passam 12 a 15 anos para concluírem o ensino secundário, num modelo de prática pedagógica tecnicista, onde são obrigados a memorizar os conhecimentos, limitando-se, praticamente, a ouvir a aula do Professor; falam pouco e não aprendem a fazer quase nada. Porém, alguns responsáveis políticos esperam que sejam empreendedores, criativos e inovadores. Razão para se perguntar: Como assim? O que pode fazer a diferença em tudo isso? Uma nova Política Educacional e, sobretudo, a valorização do Professor, num quadro de uma nova...

Desempenho do Governo de mal a pior

O Governo de Ulisses além de incompetente por não ser capaz de cumprir as suas principais promessas de crescimento económico de 7% ao ano, 45.000 empregos bem remunerados e criminalidade zero, os números do desemprego, criminalidade, crescimento económico, dívida, dentre outros, tendem a piorar. O desempenho do Governo de Ulisses é tão ruim que 6 (seis) de cada 10 (dez) pessoas dizem que seu Governo segue o caminho errado, isto quer dizer que o povo está só à espera das próximas eleições para dar o cartão vermelho ao Ulisses e ao seu Governo!

O meu irmão Frederico Hopffer Almada/Nhonhô Hopffer (II parte)

*Nota do autor: o presente texto foi escrito a pedido do primo Doutor Mário Lima, também um Furtado, e serviu de base para a elaboração de um belo e muito pertinente Resumo Executivo pelo neto da tia Candinha (de seu nome próprio Paula Tavares Furtado), nosso primo e muito amigo do nosso saudoso irmão Nhonhô, o Doutor Engenheiro Inácio Pereira, que o leu como conferência de evocação e de exaltação biográficas de Frederico Hopffer Cordeiro Almada/Nhonhô Hopffer por ocasião da homenagem que lhe foi prestada no Encontro da Família Furtado, realizado no passado dia 6 de Abril na...

Obra “A Origem Social e a Trajetória dos Estudantes Cabo-Verdianos no Ensino Superior” de Antonieta Ortet apresentada na Praia

Editado pela Universidade de Cabo Verde, o livro é o resultado da tese de doutoramento em Ciências Sociais, defendida pela autora em 2015, e foi apresentado ao público pelo Professor Doutor, Adilson Semedo, no dia 5 de abril.

O meu irmão Frederico Hopffer Almada/Nhonhô Hopffer

"... o Nhonhô sempre teve muito jeito para o desenho. Por isso, era solicitado pelas autoridades municipais encarregadas da gestão do cine-teatro da Assomada para re-desenhar os cartazes dos filmes que eram exibidos nessa mesma sala de espectáculos e que eram transportados por toda a Riba Somada e, até, Nhagar denominado Nhaga Baxo por nós todos de Riba Somada, que incluia a zona de Cutelo, onde passámos a morar depois de termos residido na zona do Portãozinho, perto dos cafezais de Lém Vieira, já que na boca dos assomadenses mais antigos o primeiro e verdadeiro nome da vila erigida...