• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde

Sindicatos de Santiago exortam Governo a “arrepiar caminhos e a aprender a ouvir os trabalhadores”

O porta voz dos sindicatos de Santiago exortou esta segunda-feira, 13 de janeiro, o Governo a “arrepiar caminhos e a aprender a ouvir melhor os trabalhadores”, frisando que, apesar das dificuldades e tentativas de impedimento, os objectivos delineados com a manifestação foram atingidos.

Sindicato dos Enfermeiros denuncia despedimentos ilegais no HAN

O presidente do Sindicato Nacional dos Enfermeiros e Técnicos de Saúde (SNETS) de Cabo Verde, José Manuel Pereira Vaz, denunciou hoje o despedimento de 22 funcionários contratados pelo Hospital Agostinho Neto, o maior do país, e pede intervenção governamental.

Degradação da situação laboral leva à manifestação de trabalhadores

A UNTC-CS e oito sindicatos de Santiago estão a organizar uma manifestação de trabalhadores para o próximo dia 11 de janeiro com o objetivo de chamar a atenção das autoridades para a situação laboral caótica, o desemprego jovem e a necessidade urgente de reposição do poder de compra dos trabalhadores. É de se notar que a situação laboral em Cabo Verde vai de mal a pior. Temos um desemprego jovem elevadíssimo, o que significa que quase metade dos jovens em idade ativa não têm trabalho, o que constitui um cenário triste e desanimador. Essa ausência de ocupação juvenil tem...

Sindicato acusa Governo de manipular dados e de perturbar manifestação

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Financeiras (STIF), Aníbal Borges, acusou esta terça-feira, 7, o Governo de manipular a opinião pública com dados do desemprego e de perturbar uma manifestação marcada para 13 de janeiro.

Trabalhadores cabo-verdianos perspectivam manifestação nacional em Janeiro

Um grupo de 12 sindicatos nacionais decidiu marcar para Janeiro de 2020 uma manifestação a nível nacional para reivindicar as promessas feitas pelo Governo e manifestar a insatisfação face a situação socio laboral e político sindical no país.

UNTC-CS exige medidas do Governo para resolver os problemas dos marítimos

A secretária-geral da União Nacional dos Trabalhadores de Cabo Verde – Central Sindical (UNTC-CS), Joaquina Almeida, disse esta terça.feira, 14 de maio, que vai exigir do Governo medidas que possam resolver a situação dos profissionais marítimos, face às responsabilidades assumidas pelo Executivo nesta matéria.

Joaquina Almeida. A vida dos trabalhadores cabo-verdianos não tem sido fácil

Secretária-geral da UNTC-CS, Joaquina Almeida é a primeira mulher a dirigir uma central sindical em Cabo Verde. Neste exclusivo ao Santiago Magazine, esta assistente de bordo e jurista, aborda várias questões sensíveis relacionados com o mundo laboral nacional, como as desigualdades de género em desfavor das mulheres e a violação dos direitos dos trabalhadores, afirmando em relação a esta última que “onde existir um trabalhador a sofrer violação nos seus direitos, iremos dar voz e vez a esse trabalhador, afim de criar um ambiente de trabalho favorável e produtivo”.