• Praia
  • 29℃ Praia, Cabo Verde

Carta aberta de Alex Saab dirigida ao Presidente da Assembleia Nacional, Jorge Rodriguez

Esta Segunda-feira, 27 de setembro de 2021, o enviado especial Alex Saab, que foi nomeado membro da mesa de diálogo da Venezuela, enviou a seguinte carta ao presidente da Assembleia Nacional, Jorge Rodriguez. 

As reuniões do Presidente da República na hora de bai

"Há quem ache que a manifestação de desconforto do Presidente da Câmara da capital Francisco Carvalho e do responsável do PAICV na Praia é exagerada e descabida, mas dou-lhes razão e é preciso indignar-se, sim, quando necessário e chamarmos os bois pelos nomes. Este nosso árbitro escolheu o momento em que a câmara da Praia está sob fogo cruzado, disparado por pessoas que pertenciam à Câmara cessante, quando já não tem tempo nem poder para fazer nada para se reunir com as pessoas".

Casamento Jovem: Cardeal Dom Arlindo Furtado defende que é normal e recomenda cumplicidade

O Cardeal Dom Arlindo Furtado afirma que é “normal e até uma dádiva divina” ver que os jovens reconhecem a importância da família e recomenda cumplicidade, escolhendo “casar cedo”.

Terêro: Nha Minininha. "Batuku é Nha Oxigénio" (corrigido)

De escrava contratada a "Rainha di Batuku". Esta é uma intoxicante odisseia sobre a vida e o legado triunfante de uma das relíquias da nossa identidade cultural, Nha Minininha. 

A força do professor!

Professor.../ Força de um guerreiro. /Força de um líder. /Força de milhares de vozes. /Força sem vergonha. /Fibra das profissões. /Nunca te sintas derrotado. /Cada aluno formado é a tua vitória. /Cada aluno expressa a força da tua alma. /A alma de um Mestre. /Professor, és o Grande Mestre! /Professor, és o Mestre dos Mestres! /O Maior de todos os Mestres.

Um inferno chamado Cabo Verde

“Não há nada mais prejudicial para um País, como os Chicos- Espertos e Chicas-Espertas serem considerados Juizes de um Povo” - Bismark

Estórias e comportamentos dos Bichos - Capítulo sexto - Origem do nome camaleão - (Primeira parte)

O Piolho saltou da cabeça do puto, caiu no meio da sala e estrondeou uma gargalheada. Os deputados ficaram todos apavorados. Deram, por sua vez, um estrepitoso berro, depois ajoelharam-se, elevaram o dedo polegar à testa e fizeram o sinal da cruz. Pensaram que fosse uma granada do tipo F1, pronta a detonar, que tinha sido arremessada por algum terrorista para o meio dos parlamentares. Havia razões mais do que óbvias para aquele tamanho pasmo. Numa das anteriores sessões parlamentares, não presidida pelo Leão, um deputado da situação e Líder Parlamentar da sua bancada, havia alertado...