Pub

 coronavirus

O país registou esta quinta-feira, 11, mais 41 casos positivos do novo coronavírus, os primeiros três em Santo Antão, a quinta das nove ilhas habitadas a diagnosticar a doença, elevando o total acumulado no país para 657, conforme atualização oficial.

De acordo com atualização desta quinta-feira na página oficial do Governo (covid19.cv), Cabo Verde registou mais 41 casos nas últimas 24 horas, sendo que os primeiros casos no concelho da Ribeira Grande, ilha de Santo Antão, a mais a norte do arquipélago.

Em declarações hoje à imprensa cabo-verdiana, a delegada de Saúde da Ribeira Grande, Florentina Lima, disse que os casos foram importados da ilha do Sal.

Na atualização diária, a ilha do Sal contabilizou hoje mais 16 casos, elevando o total para 24.

Os restantes 22 casos diários foram contabilizados na cidade da Praia, ilha de Santiago, o foco principal da doença.

Os 41 novos casos contabilizados hoje representam o segundo maior registo no país em 24 horas, depois dos 47 confirmados em 15 de abril na ilha da Boa Vista, todos de funcionários de um hotel que estavam de quarentena.

Com estes novos casos, Cabo Verde passa a ter um acumulado de 657 casos de infeção por covid-19, desde 19 de março, nas ilhas de Santiago (563), Boa Vista (57), São Vicente (10), Sal (24) e Santo Antão (3).

Do total, há 297 doentes que foram dados como recuperados, há cinco óbitos, dois doentes foram transferidos para os seus respetivos países e o país conta neste momento com 353 casos ativos.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 412 mil mortos e infetou quase 7,3 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo o balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Com Lusa

 

Comentários  

0 # toto 11-06-2020 17:40
O doente falecido no Sal ,estive ventilado ?
Q medicamento esta-se administrar aos casos graves ? A OMS a protocolado os Antivirais ,e a Hidrocloroquina continua valida e temos em CV .
Responder
0 # incompetencia 11-06-2020 17:19
as pessoas tomam medidas pessoais de proteção e prevenção contra o coronavirus, mas o governo tem sido fraco a ajudar as estruturas de saúde na prevenção.
Demissão de todos.
Responder
0 # Carla 11-06-2020 16:07
Situação mesmo preocupante
Quando isso irá acabar!??
Responder