Pub

Oceano mar

Embarcações em Monte Trigo, Porto Novo, Santo Antão, prosseguem com as buscas do pescador Estanislau Miranda desaparecido, há quatro dias, na sequência de um naufrágio de um bote na costa Norte, a nove milhas dessa comunidade piscatória.

Mesmo tendo as autoridades marítimas suspenso, no domingo, as buscas, a comunidade de Monte Trigo não desiste de procurar esse pescador, de 45 anos de idade, segundo o familiar Augusto Miranda, para quem a família ainda não perdeu a esperança de encontrar Estanislou Miranda.

Augusto Miranda avançou que os familiares e a comunidade de Monte Trigo ficaram com o sentimento de que as buscas foram interrompidas precocemente, pelo que decidiram, por iniciativa própria, continuar a procurar esse pescador, que, conjuntamente, com dois colegas, naufragou, sexta-feira, de manhã, durante a faina pesqueira.

Os dois colegas conseguiram salvar-se do naufrágio, provocado pelo mar bravo, que continua, todavia, a dificultar as buscas, informou ainda Augusto Miranda.

O representante da autoridade marítima no Tarrafal de Monte Trigo, Simão Évora, admitiu ter conhecimento de que algumas embarcações em Monte Trigo prosseguem com as buscas do pescador, utilizando, sobretudo, botes de boca aberta.

Com Inforpress



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentar