Pub

Sao Domingos

A um ano das eleições autárquicas, a disputa pela cadeira presidencial em São Domingos já aguça apetites e desperta interesses. Tanto no PAICV quanto no MpD, a luta de bastidores está em polvorosa, obrigando os partidos a adiarem a escolha final para o início do ano.

Circula na rede social Facebook uma sondagem com 12 potenciais candidatos à Câmara Municipal de São Domingos. Só do lado do MpD, que detém o poder nesse concelho tido como seu bastião, estão abertamente disponíveis o actual presidente, Clemente Garcia, a deputada nacional Isa Costa e o sociólogo Filomeno Borges.

O inquérito online da página 'Djunta Mon pa São Domingos' avança ainda mais dois nomes: o deputado nacional Emanuel Lopes e o jurista Martinho Landim, actual presidente da Assembleia Municipal local, embora nenhum destes dois tenha se pronunciado sobre tal possibilidade. com ressalva para Landim que vem sendo pressionado a abraçar o projecto camarário.

E eis que mais um nome surge nessa disputa interna para encabeçar a lista do MpD à CM de São Domingos: Mike Silves. Este arquitecto, que em anos anteriores liderou a bancada ventoinha nesse concelho e está há cerca de dois anos a colaborar ditectamente com o edil de São Miguel, não aparece no referido inquérito online, mas estará a ser incentivado por algumas personalidades do MpD para assunmir esse desafio. Consta até que beneficia de apoio a nível de alguns elementos da cúpula do MpD, o que poderá baralhar as contas e 'forçar' consensos, a fim de evitar mais rupturas no partido a nível local, dada a quantidade de disponíveis e as sensibilidades políticas em jogo - os pró-Clemente Garcia e os apoiantes de Isa Costa, com a Comissão Política concelhia no meio.

Essa acirrada luta, com cada um a procurar os melhores apoios possíveis para ser o escolhido para as autárquicas de 2010, tem na sua base algum descontentamento dos militantes e simpatizantes do MpD em relação ao desempenho do actual presidente de Câmara, Clemente Garcia, que está a concluir o seu primeiro mandato à frente desse município do interior de Santiago.

Garcia, ainda assim, beneficia do respaldo do vice-presidente do MpD, Fernando Elísio Freire, governante com quem terá mellhores relações, para se manter no lugar. Só que a sua recandidatura não está ainda garantida. Aliás, foi o próprio líder do MpD quem esticou lá para Dezembro uma decisão sobre o próximo candidato numa reunião que teve com os militantes do MpD em São Domingos, mostrando claramente que poderá ser extemporânea optar, por ora, pela màxima futebolística "em equipa que ganha não se mexe".

Ulisses Correia e Silva, ao que tudo indica, não pretenderá utilizar o mesmo método que aplicou em 2016, quando, a sugestão do partido local, afastou prematuramente Franklin Tavares, que só havia feito um mandato, para indicar Clemente Garcia, cuja recandidatura a um segundo mandato está também tremida, como evidenciam os muitos candidatos disponíveis para tomar o seu lugar e encabeçar a lista do MpD à CM sãodominguense.

Ademais, com a convenção do MpD agendada para Janeiro de 2020 - as eleições autárquicas serão possivelmente em Setembro ou Outubro - uma decisão final sobre as candidaturas para as listas minicipais só deverá ser tomada após essa reunião magna do partido, de onde sairá a estratégia para as autárquicas. Também não é de descurar uma sondagem para ajudar a direcção do partido em quem apostar para não perder uma câmara que governa desde a sua criação, em 1993.

Do lado do PAICV, a disputa não é menos renhida. Pelo contrário, há três nomes na calha, e que já se mostraram disponíveis, e nenhum quer ceder. Emanuel Brito, professor e ex-director nacional da Juventude, José Carlos Moniz, também professor e líder da bancada tambarina em São Domingos e o economista Isaías Varela, estão todos no terreno a tentar convencer os seus pares sobre o seu projecto autárquico.

O 'Djunta Mon pa São Domingos' inclui mais quatro "candidatáveis" no seu inquérito online - Evandro Carvalho, Hermenegildo Furtado Lopes e Lourenço Furtado Lopes - mas, do lado do partido tambarina, a luta será mesmo entre os três acima referidos que vão se acotovelando a ver quem merece o apoio do PAICV. Até agora, nenhum desistiu, apesar das tentativas para se chegar a um candidato consensual. Inclusive a presidente do PAICV, Janira Hopffer Almada, liderou há cerca de dois meses uma reunião com os militantes desse município para encontrarem uma solução, mas o meeting foi inconclusivo, tendo JHA admitido também a possibilidade de uma sondagem para determinar quem será o cabeça de lista do PAICV em São Domingos.

Quer Isaias Varela, quer Emanuel Brito, trabalharam directamente com Janira Hopffer Almada, quando era ministra, e ambos beneficiam da confiança da líder do PAICV. Mas José Carlos Moniz não está aí para as curvas e acredita que tem mais apoio e melhores chances de vencer as autárquicas de 2020, socorrendo-se na experiência adquirida enquanto eleito municipal. A mesma bagagem que Emanuel Brito apresenta, já que também já integrou a bancada municipal tambarina e Isaía Varela chega "sem mácula" ou anti-corpos políticos.

Enfim, são muitos galos para a cadeira de presidente da Câmara Municipal de São Domingos, que gere um concelho com cerca de 15 mil habitantes. A escolha final, de ambos os lados, poderá abrir feridas, ou acentuar as já existentes, se não for gerida com muita cautela... e caldos de galinha.



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentários  

0 # joão gomes 21-10-2019 15:31
Observa-se que os Srs. Osvaldo Miranda/Renato Frederico, não passam de pessoas localistas, distraídas, ignorantes e alheias ao desenvolvimento do Concelho de São Domingos- a semelhança de uma maioria, também, não pagam imposto...ao fazerem essas afirmações desapropriadas "Senhor nome falso kuta, ou seja la quem for. Não há e nem haverá problema nenhum trazer pessoas da Praia para trabalhar na Câmara Municipal de Sao Domingos, poderemos recrutar até das outras ilhas, mas, desde que sejam competentes, honestos e trabalhadores. Vejamos; temos um secretario municipal ultrapassado, incompetente, que se julga contabilista, mas não consegue resolver uma conta que até um aluno do primeiro ano de curso gestão ou cantabilidade consegue resolver. Ainda mais, tem uma péssima relação com os funcionários. Do Diretor de Gabinete, Martin ou Martan...".Caros ignorantes desonestos, foram vocês "localistas", que imbuídos pela ganância e falta de seriedade, na gestão da coisa pública, comprometeram o desenvolvimento desse Concelho- vejamos apenas alguns exemplos: dos quinhentos e tal funcionários (se calhar alguns são vossos parentes), analise os perfis!!!; aquisição de ativos não financeiros com recurso ao crédito bancário para revenda (terrenos de Ribeirão Chiqueiro), sem o competente visto prévio do Tribunal de Contas e, ainda por cima uma grande maioria, não liquidou as parcelas adquiridas à CMSD-para vossa informação a Edilidade deve hoje a banca cerca de 100 mil contos, dívidas para com as empresas T+ e CV-Tecom por via de aquisição de telemóveis entre outras e FLÂ...FLÂ...INTRIGAS---FALAR DE COMPETÊNCIA!!!- FALAR DE HONESTIDADE!!!FALAR DE TRABALHADORES-tenham misericórdia....
Responder
0 # Brito 20-10-2019 00:44
Eu apoio a continuação.
José Pedro para continuar a Frente da Câmara Municipal do Tarrafal.
Responder
0 # António Tavares 19-10-2019 23:23
Tarrafal de Santiago com os mesmo problemas. Muitos Galos para o mesmo poleiro.
O atual presidente que recandidatar.
A meu ver dos 7 nomes que já se pronunciam nos hostes dos bastidores, o Abraão Borges é o candidato mais indicado de acordo com o que vem propalando no município. MPD precisa ter cuidado na escolha dos candidatos. Sw for Com Abraão na CÂmara e Marceo Correia para Assembleia a vitoria seria certa.
Com o actual presidente pode até ganhar tendo em conta a popularidade do MPD. Vamos reforçar a equipa porque o descontentamento é geral.
Responder
0 # Xupeta 18-10-2019 12:03
Candidato do MPD é Rui Pereira!
Responder
0 # Amandio Gonçalves 17-10-2019 11:10
Mike Silves? Este trapalhao está na mira dos rapazes de MPD de Sao Domingos que dão cartas. É que o homem é conhecido no Concelho como sendo ora com o MPD, ora com PAICV. Teve período que esteve com os dois ao mesmo tempo, levando informações/estrategias de um e do outro. Felizmente os dois partidos descobriram ao ponto de homem se fez desaparecer de Sao Domingos.
Responder
0 # Carlos Miranda 17-10-2019 15:59
Amandio Goncalves , tenha corragem, sai do nome falso e responda os comentarios . E simples defamar no anonimato. Mike Silves sempre foi intero, claro e sem nenhum ante corpos em Sao domingos. E compitente, honesto e trabalhador , a acoma de tudo ele prima para o bem estar de Sao Domingos. Ja mostrou compitencia em todas as ca.ara por onde foi solicitado para prestar servico. Ele foi de[censurado]do municipal e lider da Bancada municiapal do MPD em Sao domingos e esta sempre em Sao domingos em ajudar is que mais precisa .
Responder
0 # Amandio Gonçalves 18-10-2019 16:39
Miki pamode ki bu ta prefere sta ku nome falso pa bu reage. Bu tem vergonha mostra cara? Bu fla ma bó é competente, honesto, integro e trabalhador. Bo ki fla bu cabeça. Bai pergunta rapazes bu tá odja kuzé ki es ta flau na bu barba cara. Rapazes de MPD sta ta mesteu mós.
Responder
-4 # Alcides Tavares 16-10-2019 17:41
Porque nao considerar Diamantino Martins como canditato de MPD em Sao Domingos? Poderia ser melhor dos melhores. Uma possiblidade ainda em tempo. Basta ver a sua frequência nas redes sociais.
Responder
+4 # Municipe de SD 16-10-2019 21:33
Mais um pau mandado! O Diamantino não serve para este cargo, porque é um advogado dos capangas nas redes sociais... Não nenhuma crítoca feita, que o Sr. "Deputsado" não mete a fuça para defender, sem entender o que se passa... Não passa de um atrevido que mais cedo ou mais tarde, irá conhecer o seu devido lugar... Ele poderia até ser um presidente nas redes sociais, fazendo o marketing digital do que é que se tem feito... mas nem para isso serve, pois escreve mal...
Responder
+6 # Renato Frederico 16-10-2019 17:20
Como bem disse Márcio Júnior, o pecado de São Domingos reside na sua incapacidade em aproveitar os recursos humanos que tem. O povo (que é quem ordena e que é quem mais sofre) escolhe o que lhe é apresentado. Vota cegamente e colhe os frutos. Foi sempre assim. As três equipas que já governaram a Câmara têm percursos distintos: A liderada por Fernando Jorge Borges (FJB) teve a sorte de entrar logo após a abertura política, apanhando boleia do fresco Governo e da conotação de alguns militantes e amigos ao caso "quebra de santos" que, muito bem explorado, marcou pela negativa o nome do PAICV. Franklim Tavares, que não deixou saudades num dos mandatos do FJB como Vereador, apareceu entre 6 candidatos e deixou São Domingos pior: endividado até ao tutano, algumas obras por concluir, quando o dinheiro investido (?) não se compara com o que se vê; talvez por isso, sequer tenha passado o dossier do mandato ao Clemente Garcia que NUNCA revelou o valor da dívida herdada. Tendo sido Vereador de FJB, a sua experiência foi metida na gaveta porquanto não lhe serviu. De uma equipa muito fraquinha não se podia esperar outra coisa. Primeiro pecado: importação de dois elementos para os cargos de Secretário Municipal e Diretor de Gabinete (transferindo e pendurando anteriores técnicos). O pelouro Cultura, nosso prato forte, foi atribuído ao Manel de Candinho que poucos meses depois deixou barco, entre controvérsias e maldizeres. O reflexo é por todos visto. A geminação com Municípios portugueses são da era do Padre António (RIP) o principal impulsionador, melhor: padrinho. Com a atual equipa pouca gente trabalha. Os pé-di-galos de serviço e alguns analfabetos, travestidos em meninos de recado. Exemplo: a oficina da Variante, com quadros seniores nas mais diversas áreas, é supervisionada por um ajudante de serviços gerais. O povo de São Domingos é chamado mais uma vez a depositar a sua confiança onde bem entender, ciente de que o que escolher, governará por 4 anos - bem ou mal, mas a fiscalização deve ser iniciada logo após a tomada de posse.
Responder
-2 # kuta 17-10-2019 09:27
Sr Renato Frederico,
O senhor é tão pequeno que sequer entenda que quer o Sr Secretário Municipal e quer o Sr Director de Gabinete são ambos cabo-verdianos e importa dizer-lhe que são domingos é também território de cabo-verde. Qualquer dia começamos também a incentivar os nossos da Praia a insurgirem contra os badiois como o senhor que enfestaram a nossa cidade com sujeira, intrigas e lambe-botas. Tarde ou cedo toda a verdade virá á tona e todos ficarão a seber quem é quem . O senhor podia dar ao luxo de fazer algo por são domingos, por exemplo pagar o seu IUP e incentivar todos os saodominguenses a fazer o mesmo em vez de estar aqui a debitar vómitos. O senhor sabe por acaso quantas pessoas pagam IUP em sãodomingos? o Sr sabe que para ter legitimidade para criticar o senhor tem que estar em condiçoes para tal. PAGUEM OS VOSSOS IMPOSTOS E AJUDEM O VOSSO MUNICIPIO PORQUE VAI ACABAR A MAMA.
QUEM AVISA AMIGO É. NINGUEM SERÁ CANDIDATO COM DIVIDAS AO MUNICIPIO. ESTAMOS EM CONDIÇOES DE NESTE PRECISO MOMENTO CONFIRMAR A POCA VERGONHA DE TODOS QUE ANDAM AQUI A CRITICAR. TENHAM CORAGEM DE SAIR DO ANONIMATO OU CASO CONTRARIO VAMOS TER QUE FORÇAR ESSA SAÍDA. CANSAMOS DESTA VOSSA PORCARIA E COVARDIA.
Responder
0 # Osvaldo Miranda 18-10-2019 09:11
Senhor nome falso kuta, ou seja la quem for.
Não há e nem haverá problema nenhum trazer pessoas da Praia para trabalhar na Câmara Municipal de Sao Domingos, poderemos recrutar até das outras ilhas, mas, desde que sejam competentes, honestos e trabalhadores. Vejamos; temos um secretario municipal ultrapassado, incompetente, que se julga contabilista, mas não consegue resolver uma conta que até um aluno do primeiro ano de curso gestão ou cantabilidade consegue resolver. Ainda mais, tem uma péssima relação com os funcionários. Do Diretor de Gabinete, Martin ou Martan, dá até vergonha de falar, este sim, este veio para São Domingos para relaxar beber um goguinho, e mesmo com a lei seca anda sempre a "txuputir" todos os dias. Ele não tem nada de fazer na Câmara, não trabalha, não faz nada. parece ate que ele trabalha na praia, porque das 9h ate às 3h esta sempre a vaguear pelas artérias da cidade da Praia. Pergunta o próprio Clemente Garcia qual e o desempenho de Martin? O que realmente ele faz na Câmara?
Responder
-1 # kuta 21-10-2019 15:02
A ignorancia é estupida e os ignorantes valem o que vale. Se pensas que o MARTIN vai entrar nesta sujeira está equivocado e muito enganado. o MARTIN é nosso e é de Praia sim senhor. Ele vai a praia quando quiser e o senhor náo tem nada a ver com a sua vida. Só quem nao conhece o Martin é que fala dele enquanto #bebedor#. sabe uma coisa vai cuidar da tua vida e preocupa-te com quem te conhece. O Marti é nosso e com ele ninguem mexe. Se conhecesses um pouco de Martin e um pouco do que ele já fez por saodomingos estarias aqui de boca fechada sr palhaço.
Responder
0 # Lagartixo 23-10-2019 17:08
Martin bota lá o nome dos devedores da Câmara. Tu não tens esses dados mas sabe-os porque o tal Secretário Municipal tem. Vocês dois se enquadraram tão bem na Câmara que hoje vivem de "fla-fla". Sois meros bebedores de grogue, não trabalham e não levaram qualquer valia para São Domingos.
Responder
0 # Alcinda da Cunha 22-10-2019 15:21
A linguagem de Filosofo é conhecida (A ignorancia é estupida), o Sr. é que tem o favor de Sr. Martin quando estudava em Portugal que em recompensa o importou para trabalhar consigo em determento de muitos desempregados em Sao Domingos. Covarde porque nao se identificou?
Responder
+5 # Ruizinho Gonçalves 16-10-2019 12:36
Concelho de Sao Domingos tem grande castigo. Quem sao culpados? PACHINHO? FIFI FEREIRA? YANE MENDES FALEIRO? Triste! Depois de Frankilin vem Clemente, o filosofo. filosofar para quê. É o que passou durante os quase 4 anos. O homem viagem todos os meses para Portugal para tratar dos seus estudos. Ainda há dias viajou para EUA depois de 3 dias de regresso de Portugal. Quem ganhou? Saodomingueses? Nao. No entanto o MPD insiste em apresentar como candidato.
Responder
+6 # Marcio Junior 16-10-2019 12:12
Não é a partir destas sondagens, é que os leitores terão a conclusão de que São Domingos tem pessoas competentes e capazes de colocar o nosso querido Concelho na primeira linha do desenvolvimento da Ilha de Santiago e quiçá de Cabo Verde. São Domingos desde sempre possuiu quadros que já deram e ainda continuam a dar contributos importantes na Praia e nos outros Concelho do pais, quadros estes, que já desempenharam grandes cargos na administração publica cabo-verdiana, bem como no mundo empresarial. O nosso potencial turístico e invejável, a nossa cultura fala por si; basta ver dezenas de artistas ou centenas de tocadores que andam a atuar nos restaurantes e bares da ilha de santiago. No desporto também estamos em todas as modalidades, a localização geográfica e estratégica nem se pode falar. Então eu me pergunto: porque estamos tão mal assim, tão atrasados assim? Espero que até o final do mandato, ver Ulisses Correria e Silva, aqui em São Domingos a inaugurar grandes obras como tem acontecido nos outros concelhos.
Responder
+3 # José Silverio Ramos 16-10-2019 01:30
Esta sondagem nos mostra duas coisas:
1. Que o Actual Presidente perdeu todo o capital politico que tinha e que já não tem condições para se apresentar como candidato nas eleições de 2021.
2. Do lado do MpD a figura é a Sra. Isa Costa. Ela está melhor posicionada para garantir a vitória do MpD em São Domingos e manter a Câmara nas mãos ventoinha.
Responder
0 # Ku Zinho 17-10-2019 09:15
Concordo com o ponto 1, porquanto Clemente não mente mas não cumpre. Revelou-se que sem Ulisses nada faz. Quanto à candidata a candidato Isa Costa (ponto 2), ela que se contenta com os dois mandatos porque trazer o malcriado do companheiro Emanuel Baboza para nossa Ribeira é castigar São Domingos. Ela que vá dar aulas, se ainda estiver em condições pois "encheu-se" demais na cadeira do Parlamento a ponto de querer tudo: coordenar o Partido em SD, ser Presidente de Câmara e Líder Parlamentar.
Responder
0 # Arlindo Rodrigues 15-10-2019 21:31
Esta abundância de pré candidatos é sinal de boa saúde democrática do Concelho.
Contudo, defendo que também neste particular (sondagem para se apurar a notoriedade dos pré candidatos) deve haver o princípio mínimo de igualdade de oportunidades até para ajudar aos inquiridos a opinar com base em informações (quanto mais não seja quem é e o que já fez e faz na vida) minimamente "equitativas" entre os avaliados.
Defendo que deveria ser uma questão de cidadania das Comunidades, ao nível do Concelho, protagonizada pelos respectivos líderes e/ou dos apartidariamente mais esclarecidos com o objectivo único de contribuir para a capacitação dos cidadãos para, ainda ao nível desta fase - sondagem, se escolher o MELHOR dos cidadãos do seu Concelho como seu potencial Representante. E, para isso, tomando em linha de conta sobretudo o CARACTER da pessoa. Isto é, a sua educação e formação também mas particularmente a forma como tem interagido com os seus pais e familiares mas também com a sua comunidade, independentemente do Partido a que eventualmente esteja ou esteve ligado.
Essa responsabilidade da COMUNIDADE torna-se cada vez mais importante para nos ajudar a não continuar os mesmos erros do passado. Pois, hoje, temos vários exemplos de Presidentes de Câmaras em exercício cujo resultado da sua governação deixa muito a desejar. Ora, nós, os ncomuns dos cidadãos, não podemos nos sentir isento de responsabilidade por essa incompetência daquele que gere o destino do nosso Concelho.
Daí a importância da boa escolha também nesta fase preliminar, já que é dalí que emerge os candidatos de cada um dos Partidos para a governação do nosso Município.
E no caso concreto do Município de São Domingos, embora não seja o seu munícipe mas querendo o seu melhor como aliás a qualquer outro deste meu querido país, exorto aos seus munícipes que escolham dentre os disponíveis aquele que acham estar MELHOR CAPACITADO para liderar uma equipe multidisciplinar que sob a sua coordenação seja capaz de conceder, definir e concretizar uma visão estratégica de desenvolvimento socio-económico e ambiental verdadeiramente sustentável e de longo prazo, com base em metas e objectivos claros e mensuráveis ou seja com base num plano para a consequente prestação de contas.
Assim, dentre os nomes apontados como os candidatáveis no Concelho que conheço, estou em crer que o do Antunes - Martinho Landim é de se ter em devida conta não só pelo facto de ser o actual Presidente da Assembleia mas sobretudo pelo seu CARACTER e experiência profissional tanto cá no país como pelos vários países por onde tem vivido e trabalhado.
Responder
-1 # KUTA 15-10-2019 20:02
Se tu ês verdadeiramente Sãodominguense e se queres na verdade o desenvolvimento do teu municipio reza para que nenhum candidato seja nativo de São Domingos. Na verdade Sãodomingos só arranca com uma liderança descomprometida e com capacidade para avançar com um plano de reestruturaçao que não olhe para as relaçoes de parentesco. Portanto, meus amigos e minhas amigas vamos pensar todos com cabeça sem bairrismos. São Domingos merece apanhar o comboio e tem que livrar-se dos oportunistas e dos esbanjadores. Os nomes avançados não servem sequer para aguçar as mentes menos esclarecidas. Peço a todos os [censurado]tivos mencionados que se desliguem desta mentira porque não estão em condiçoes de liderar um projecto de mudança estrutural em saodomingos. Tenho vergonha de enquanto saodominguense estar a escrever este comentário.
Responder
+1 # Ku Zinho 17-10-2019 11:21
Acabaste de revelar quem tu és, ao responderes ao Renato. Afinal, também te escondes sob anonimato! Não és bem-vindo a São Domingos. Identifica-te.
Responder
+1 # Jorge Paiva 15-10-2019 15:54
E urgente MPD desmarcar de Clemete Garcia se não quer perder eleição, porque desta vez muitos militantes de MPD vão votar contra ou vão abster, eu sou um dos MPDista que não vou votar no Clemente garcia . Ulisses Correia esta em todos os concelhos em enauguração. porque será que nunca aparece em São Somingos. Simplesmente porque não há nada para inaugurar. Clemente Garcia vai para Assomada, Calheta São Lourenço participar nas inaugurações dos seus colegas, porque no seu propio concelho não há nada para ser inougurados. POVO DE SAO DOMINGOS NHOS ABRI ODJU NEM SE PELA PRIMERA VEZ. ANHOS NTON E PA NHOS TA FICA SO PA DE PA TRAZ
Responder
0 # Odju aberto 16-10-2019 08:36
Com muito respeito, So pelo fato de pensar na possibilidade de votar no MPD (em S. Domingos), mesmo depois de tudo O que tem acontecido desde a muito tempo, prova que estas de olhos fechados. Em outros concelhos talves estao a fazer um bom trabalho, mas em S. Domingos nada que preste. Talves precisamos de abrir os nossos olhos antes de pedir aos outros que facam o mesmo. Nao lutemos pelo partido A ou B, mas sim por um S. Domingos e um Cabo Verde melhor
Responder
0 # João Pereira Costa 15-10-2019 15:47
MPD sempre teve pessoas inteligente e capazes de alavancar o concelho de São Domingos, o problema e na escola de candidato. em 2012 descartaram grandes candidatos que poderiam agora com uma boa equipa formada por pessoas de Nossa Senhora da Luz e São Nicolau Tolentino colocar São Domingos "Riba La". Mas, resolveram trazer Franklin Tavares, deu no que deu; o resultado está a vista. Agora em 2016 a mesma ladainha. com muitos candidatos competentes e capazes, resolveram trazer o Prof. Clemente Garcia, desta vez o resultado foi ainda mais pior, porque com todo apoio do governo, vejam como esta o Concelho de São Domingos. Espero que desta vez voces acertam nesses tres candidatos: Mike Silves, Isa Costa e Filomeno Borges.
Responder
+1 # Antero Querido 15-10-2019 15:35
Muito apoiantes de Mike Silves, agora sim, agora apareceu um candidato de verdade para o MPD. O rapaz fez excelente trabalho no nosso concelho, digo calheta de São Miguel. Muito humilde, Denamico e muito inteligente. Ate agora não sei porque ele não foi aproveitado pela Camara Municipal de São Domingos. se eu fosse de São Domingos eu votava agora para Mike Silves
Responder
+1 # Edmilson LOpes 15-10-2019 15:32
Desta vez a comissão politica regional do partido MPD terá toda a ligitimidade de escolher o seu propio candidato. Ulisses Correia e Silva não deu Franklin Tavares a segunda chance e nem tambe dará ao Clemente Garcia. Esta claro como agua cristalina que aqui em São Domingos não se fez quase nada para não dizer nada. E não é a segunda faze de PRAA que vai salvar Clemente Garcia, porque ele nem militantes de MPD estão com ele. Não o Compadre dele Elisio Freire que lhe vai dar a segunda chance. Ele continuará na mesma . Clemente Garcia é um atraso para São Domingos. Trouxe menos juventude, menos desporto, menos cultura, e menos desenvolvimento , algumas obrinhas que estão sendo canalizadas dou graças ao Governo que quer fazer alguma coisa aqui. Se com Clemente Garcia MPD já tem um voto a menos da minha parte e mais votos a menos que eu vou tentar canalizar.
Responder
0 # Miriam Andrade 15-10-2019 15:26
D. Antonio o partido tem tudo para ganhar não.Tem aguns possiveis candidato para concorrer para a camara municipal. Porque concorrer com Clemente Garcia ja e uma derrota para o MPD. O Homem chegou com muita sede ou pote que a te agora esta com o problema nos tribunais e tribunal de contas. Quanto aos candidatos do PAICV, a comissão politicas usará meios legais para escolher o seu melhor candidato.
Responder
0 # D.Antonio 15-10-2019 14:23
A luta do lado do MPD parece compreensível uma vez que aquele partido tem, a partida, tudo para manter a liderança do Município . Já do lado do PAICV as chances de vitória são pouquíssimas e a lógica da JHA de lançar para a corrida apenas os que lhe batem palmas, mesmo quando está manifestamente errada, pode contribuir para perigar ainda mais o desempenho do PAICV nas legislativas que virão logo a seguir. De todo o modo, o Partido deve aprender com os sucessivos erros e perversidades desta liderança que, em doeto com o Américo da Ribeira Brava, quase que baniu o PAICV da governação autárquica. Aqui, contrariando a máxima futebolística de que equipa que ganha não se mexe, tudo indica que a equipa perdedora se irá manter por capricho e arrogância. Afinal JHA esta mais preocupada em conservar o seu poder com os fiéis e amigos do que abrir o Partido a
todos os militantes para ascender governação do País .
Responder
0 # Elisa 15-10-2019 12:14
Ninguem tem duvidas que este Clemente Garcia nao serve para sao domingos, vejam quantos pixoes de orelha ja recebeu de colegas e do proprio ppartido. Ele disso que possuiu um curriculum que modestia parte fala por si. Mas era melhor colocar in a camara um presidente com decimo ano . O que que ele fez com o famoso curriculum . Nao servisu para nada . Mostrau imcopitente na mesma
Responder
+2 # Municipe de SD 15-10-2019 12:12
Esqueceram-se de dizer que existem uns porcos com fatos, que apoiados com a bandeira ventoinha, a vitória canta! Este município não precisa de outros partidos...os municipes (coitados, os quais sempre os ventoninhas baseam as suas campanhas) não vêm com olhos de ver, porque são ferenhos...O PAICV, está a gastar dinheiro com campanhas e nada mais...tem uma força, mas pouco suficiente para mudar a mentalidade de alguns sao dominguenses...uma verdade que doi!
Responder
+1 # Odailson 15-10-2019 12:09
EU nao sou militante do MPD , mas votei no meu professor Clemente porque acreditei que ele iria fazer bom trabalho, depois de saber que durante 3 nos ele fez 18 viagens para portugal a custa do dinheiro do povo e ainda mas comessa abrinhas que nunca mas acaba . Um presidente que nao dialoga com as pessoas anda sempre em mostrar que e dono da verdade , isso nao serve. O meu candidato e Isa Costa
Responder
+1 # Paulo Silva 15-10-2019 12:04
EU pergunto . Porque apareceu tantos candidato justamente en Sao Domingos . Esta e uma reflaxao para o camuto Clemente Garcia. Porque se ele fosse humilde, trabalhador e honesto nao haveria muitos candidatos em tentar ocupar o sei cargo. Isto mostra o quando Sao domingos foi desgovernado Durante este 3 Anos.
Responder
+1 # Jesus 18-10-2019 14:49
Parece que quando os partidos apoiam determinados candidatos existe, à partida, o propósito de não só vencer as eleições como de garantir uma governação de boa gestão, em todos os domínios, sobretudo uma boa gestão dos dinheiros públicos que são disponibilizados, das mais diversas formas para a função principal que é resolver os problemas das populações. Não me parece cordial dizer-se que o "povo vota cegamente" e que depois sofre. O povo sofre sempre, sim, mas, do meu ponto de vista, pelas incúrias dos que recebem a confiança do povo. Ele, o povo, não tem culpas se são colocados à sua frente pessoas que não cumprem com as suas promessas e se os partidos que as suportam não fiscalizam os seus atos, exigindo delas todo o respeito pela função e compromissos. Por alguma razão, o povo tem insistido em votar o MPD na maioria das Autarquias e rejeitado o PAICV. Haveria a necessidade de um estudo científico para se conhecer, com substância, os motivos dessa situação. Enquanto o PAICV não conseguir alterar esse status quo, alguns pouco escrupulosos do MPD vão se aproveitando para fazerem das suas com os seus. Lamento...
Responder