Pub

daigle

John Jefferson Daigle foi o nome escolhido pelo Presidente dos EUA para representar o país em Cabo Verde, A escolha está sujeita a votação no Senado. Esta embaixada está sem embaixador desde setembro.

Um novo embaixador dos Estados Unidos da América em Cabo Verde foi sugerido na segunda-feira pelo Presidente, Donald Trump, devendo o nome de John Jefferson Daigle passar por uma votação no Senado.

A Embaixada dos EUA em Cabo Verde está sem embaixador desde setembro de 2018, mas um comunicado de imprensa divulgado na segunda-feira pela Casa Branca avançou que Donald Trump “anunciou a sua intenção de nomear” John Jefferson Daigle para uma “posição-chave” na sua administração.

O antigo embaixador norte-americano em Cabo Verde, Donald L. Heflin, deixou o cargo em setembro de 2018, depois de um mandato de três anos e oito meses.

John Jefferson Daigle pode vir a ser “embaixador extraordinário e plenipotenciário dos Estados Unidos da América na República de Cabo Verde” se o nome for aprovado pelo Senado norte-americano.

Atualmente funcionário do Governo na Comissão de Consultoria de Diplomacia Pública, Daigle tem conhecimentos das línguas portuguesa, francesa e ‘khmer’ (idioma oficial do Camboja), segundo a Casa Branca.

A nomeação para embaixador significa uma promoção na carreira de Daigle, que atualmente é membro da classe de conselheiro de ministro nos Serviços Estrangeiros Seniores dos EUA.

Com uma carreira diplomática e de funcionário do Estado sólida, John Jefferson Daigle trabalhou também no gabinete do secretário-adjunto dos EUA para a Diplomacia e Assuntos Públicos e fez parte de missões diplomáticas dos EUA no Camboja e no Iraque, tendo recebido o Prémio de Serviço Expedicionário pelo seu serviço no Iraque.

O currículo de John Jefferson Daigle também inclui a função de coordenador adjunto do Gabinete de Programas de Informação Internacional, um ramo do Governo norte-americano, com cerca de 700 escritórios em mais de 150 países, onde os cidadãos estrangeiros se podem informar sobre os EUA.

Daigle é licenciado pela Universidade estadual de Louisiana.

O comunicado de imprensa da Casa Branca inclui ainda nomes propostos para as embaixadas dos EUA no México (Christopher Landau), Eslováquia (Bridget A. Brink) e Turquemenistão (Matthew S. Klimow).

Com Lusa



APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

A crise na imprensa mundial, com vários jornais a fechar as portas, tem um denominador comum: recursos financeiros. Ora, a produção jornalística, através de pesquisas, entrevistas, edição, recolha de imagens etc. Tem os seus custos. Enquanto está a ler e a ser informado, uma equipa trabalha incessantemente para levar a si a melhor informação, fruto de investigação apurada no estrito respeito pela ética e deontologia jornalisticas que caracterizam a imprensa privada, sobretudo.

Neste momento em que a informação factual é uma necessidade, acreditamos que cada um de nós merece acesso a matérias precisas e de interesse nacional. A nossa independência editorial significa que estabelecemos a nossa própria agenda e damos nossas próprias opiniões. O jornalismo do Santiago Magazine está livre de preconceitos comerciais e políticos e não é influenciado por proprietários ou accionistas ricos. Isso significa que podemos dar voz àqueles menos ouvidos, explorar onde os outros se afastam e desafiar rigorosamente aqueles que estão no poder.

Portanto, se quiser ajudar este site a manter-se de pé e fornecer-lhe a informação que precisa, já sabe que toda contribuição do leitor, grande ou pequena, é tão valiosa. Apoie o Santiago Magazine, da maneira que quiser, podendo ser através da conta nº 6193834.10.1 - IBAN CV64 000400000619383410103 – SWIFT: CANBCVCV - Correspondente: TOTAPTPL - Banco Caboverdeano de Negócios - BCN, ou por meio deste dispositivo do PayPal.


APOIE SANTIAGO MAGAZINE. APOIE O JORNALISMO INDEPENDENTE!

Comentários  

0 # José Mário Cardoso 23-03-2019 21:46
Vamos lá rapazes, um pouco de cultura geral: o presidente dos Estados Unidos da América não nomeia embaixador. Ele escolhe um nome. A pessoa é confirmada ou pelo Senado. Se passar no Senado é nomeada para o cargo do embaixador dos Estados Unidos. Publiquem lá isso, não finjam que sabiam disso.
Responder