Pub
Por: Redacção

Rui Semedo Deputado PAICV1Nuías Mendes Barbosa da Silva 1jose sanches

Janira Hopffer Almada não vai concorrer à liderança do Grupo Parlamentar do seu partido e abre caminho para três candidaturas à sua sucessão na liderança da bancada tambarina no Parlamento: José Sanches, da ala Filú, contra os dois actuais vice-presidentes do PAICV, Rui Semedo e Nuias Silva, na eleição marcada para o dia 22 deste mês.

No dia 12 de Maio deste ano, Santiago Magazine fizera manchete de que a líder do PAICV não iria se recandidatar à liderança do Grupo Parlamentar do seu partido e a própria fez questão de desmentir a notícia em comunicado para toda a imprensa. Cinco meses depois, a confirmação: a presidente do PAICV, afinal, não vai se recandidatar ao cargo de líder da bancada do PAICV no Parlamento, segundo um comunicado enviado esta terça-feira às redacções.

E tal como Santiago Magazine anunciara então, estão na corrida três candidatos: José Sanches, que tem o apoio do Grupo de Reflexão, liderado por Felisberto Vieira, concorre contra dois dos actuais vice-presidentes do PAICV, Nuias Silva e Rui Semedo – João Baptista Pereira terá declinado o convite para suceder JHA.

Os três estão no terreno faz tempo, mas por causa do suspense criado por JHA, sobretudo depois da notícia que ela fez questão de desmentir, Rui Semedo e Nuias Silva também ficaram em stand-by. Já o deputado José Sanches, deputado da Calheta eleito por Santiago Norte, manteve sempre o seu propósito de presidir a bancada tambarina ainda que JHA decidisse se recandidatar.

Agora que a líder do maior partido da oposição confirmou a sua retirada da liderança do Grupo Parlamentar, os seus dois vices deverão anunciar já, já, a sua candidatura. Rui Semedo e Jos]e Sanches já confirmaram ao Santiago Magazine que vão concorrer sim à liderança do GP, mas este jornal não conseguiu chegar à fala com Nuias Silva. Ainda assim, estamos em condições de adiantar que o deputado foguense também é candidato. Detalhe: Semedo, em princípio, tem o apoio da presidente do PAICV, mas Nuias Silva, caso leve adiante o seu projecto parlamentar, surge como o candidato de ruptura. Isto tendo em conta as relações tensas entre o vice e a presidente do PAICV.

Nuias Silva, aliás, é tido como sendo da ala nevista e estará a contar com o apoio de pelo menos dez dos 29 deputados eleitos pelo PAICV no Parlamento, entre os quais José Veiga, ex-vice presidente da direcção do partido e que no ano passado pediu a sua demissão da vice-liderança do Grupo Parlamentar tambarina em claro choque com JHA. 

Silva terá, nesta altura, o mesmo número de apoiantes (10) que José Sanches, o candidato que aparece aos ombros do chamado Grupo de Reflexão, liderado por Felisberto Vieira e que integra ainda Júlio Correia e Filomena Vieira.

Rui Semedo, embora mais experiente e maduro politicamente, poderá sair chamuscado do fogo que incendeia internamente o PAICV, caso não venha a vencer esta disputa, marcada para o dia 22 deste mês.

Seja como for, o facto é que Janira Hopffer Almada, presidente do PAICV, faz marcha-ré no seu desmentido (!) e cede a liderança do Grupo Parlamentar tambarina a um destes três: Rui Semedo, Nuias Silva ou José Sanches. Ponto assente: há uma evidente luta de sensibilidades no seio dos deputados do principal partido da oposição.

Comentários  

0 # Mack Múzika 12-10-2018 20:14
O vosso modo de noticiar é muito subjetivo, muitas opiniões e posicionamentos ! Sejam mais objetivos e tragam a notícia de forma mais séria!
Responder
0 # Djosa Neves 12-10-2018 17:03
Estão a brigar o quê mesmo???
Responder